2.11.08

Tenente



José António Tenente, convidou-nos a uma apresentação intimista, numa pequena sala, pouco iluminada.
Um palco. Um modelo nu. A figura humana, imóvel, como se de uma aula de pintura se tratasse.
Tecidos que tapam, escondem, revelam, num jogo de formas, volumes e texturas.
Branco, cru, cinza claro.
Seda, cetim, organza, tule, linho e algodão.
Modelos em movimentos coreografados, dando vida a peças deliciosas e envolventes.
A popular apresentadora de televisão Bárbara Guimarães, musa de Tenente, surge num vestido verde, completando o quadro.

Sem comentários: