30.9.09

cibeles madrid fashion week

A Espanha como capital da moda - As propostas dos estilistas para o Verão 2010 numa das passarelles mais mediáticas do mundo

(miguel palacio)

A crise que afecta com força também a indústria da moda, tem levado a uma necessária contenção de despesas por parte de empresas e organizações, refletindo-se numa nova postura.
Impõe-se uma atitude consciente face à 'tendência do momento': a intemporalidade do corte perfeito, dos materiais de qualidade, adaptados ao estilo individual.

As 'cores da estação' ou uma modelagem específica para determinada peça, deixam de fazer sentido. Tudo é permitido, o passado é revisitado, 'again and again' sob um olhar futurista de inovação.
Dos tons vibrantes ao pastel, ao eterno preto. Denim e alfaiataria, fluidez, rigidez e ousadia.

(andres sarda)


A identidade nacional desvanece-se em prol da liberdade criativa, e da vontade de fazer mais e melhor, apesar da recessão, tendo em conta o conceito imergente de uma perspectiva prática, adaptavel ao quotidiano.

Mais de cinquenta estilistas (entre os quais, o português Ricardo Andrez) convidados do mundo das artes e espectáculos e a imprensa mundial, marcaram presença em Madrid, entre 18 e 22 de setembro, para a 50ª edição da Cibeles Madrid Fashion Week.

(ricardo andrez)


É inegavel a importância deste evento organizado pelo IFEMA, que há já 25 anos,tem apostado tanto na promoção de nomes mediáticos, como na divulgção de talentos emergentes visando a dinamização da moda espanhola.

Imagens fortes e inspiradoras marcaram presença em Madrid.
Agatha Ruiz de la Prada, homenageou a 50ª edição da semana de moda espanhola com uma coleção de cinquenta modelos cheios de cor, alegria e otimismo.

(agatha ruiz de la prada)

Adolfo Dominguez, após dez anos de ausência, regressa ao certame trazendo como convidada de honra a atriz Gwyneth Paltrow.

A sentida homenagem ao estilista Elio Berhanyer, que participa na Cibeles desde a sua 1ª edição, foi um dos momentos mais marcantes do evento.

(elio berhanyer)

Os prémios para a melhor colecção e melhor modelo, foram atribuidos respectivamente ao estilista José Castro e à manequim Carla Crombie.

(desfile de josé castro)

(carla crombie)

A CMFW encontra-se actualmente entre os quatro maiores eventos de moda e alta-costura do mundo, logo depois de Nova Iorque, Paris e Milão.

1 comentário:

MAISON CHAPLIN disse...

É muito importante a nível comercial, mas não sei até que ponto é que isso se aplica quando se fala em ser uma "capital da moda".. Acho que ainda está way far disso.

http://MaisonChaplin.blogspot.com